Expediente
Nossa História Expediente Trabalhe Conosco Fale Conosco
Página Inicial Classificados Galeria de Fotos Anuncie Aqui Assine Já
Ari Martendal
Economia
Educação
Esportes
Geral
Local
Obituário
Polícia
Política
Regional
Saúde
Tradicionalismo
Vídeos
 
Espaço do Assinante
 
Lages, 29 de dezembro de 2011
 


Twitter JOM Orkut JOM
Projeto Avenida Ponte Grande beneficiará 13 bairros
Cadastrado em: 9/9/2010 11:44:42
O projeto que prevê a construção da Avenida Ponte Grande está bastante adiantado.

O projeto que prevê a construção da Avenida Ponte Grande está bastante adiantado. A previsão é de que até o final do mês seja emitido um parecer final pelo Ministério das Cidades quanto a liberação dos recursos, através do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC2). A avenida terá em torno de seis quilômetros de extensão e cortará 13 bairros de Lages, iniciando no Gethal e culminando no bairro Caça e Tiro, onde fica a Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) da Semasa.

Serão investidos em torno de R$90 milhões no projeto, que compreende também obras de contenção de enchentes e saneamento básico de todos os bairros. Só em saneamento serão destinados R$ 53 milhões e outros R$ 37 milhões para abertura, obras de base e pavimentação da avenida Ponte Grande. Após liberado os recursos, ainda demandam de licitação e vários outros passos técnicos.

Segundo o secretário de Planejamento, Flaubert Zanetti, com esta obra será possível quase zerar o déficit de saneamento do perímetro urbano. O tratamento de saneamento básico ficará acima de 90%. Hoje, com ativação do novo módulo da estação de tratamento, a cobertura da cidade está em cerca de 40%.

A avenida terá pavimento nas duas laterais do rio. Cada pista terá duas faixas de tráfego, mais a faixa para estacionamento com sinalização. Dentre os benefícios desta obra, está o descongestionamento de algumas ruas e avenidas. Ao longo do rio Ponte Grande, será implantado um novo anel viário, no sentido leste-sul, que integrará outras vias, permitindo maior vazão ao trânsito. São obras com previsão de duração entre dois a três anos, sem contrapartida financeira do município. A captação de recursos é toda do Orçamento Geral da União.

Famílias serão reassentadas no bairro Ferrovia - Com a construção da Avenida Ponte Grande algumas famílias deverão ser remanejadas do local. Para abrigá-las, duas áreas no bairro Ferrovia foram disponibilizadas para receber o loteamento onde serão construídas casas populares. Em uma destas áreas serão reassentadas cerca de 200 famílias atingidas pelas obras da avenida. A outra área será reurbanizada para dar condições adequadas para mais 145 famílias que já estavam no bairro com moradias precárias.

A maioria ganhará casas novas, e outras serão reformadas. Muitas destas famílias são provenientes de áreas de risco e moram de forma irregular. "A intenção do prefeito é não deixar que a avenida cause transtornos a estas famílias e dar condições de moradia para elas" informa o secretário da Habitação, Murilo Ramos Vieira. Ele reitera que este projeto já vem sendo discutido desde 2004 pelas secretarias de Habitação e Planejamento, estando várias vezes em Brasília para que fosse aprovado. "Com o esgotamento sanitário resolveremos o problema de mais de 35 mil pessoas, causando menos impacto ambiental" comenta Murilo.

 
Fonte: Redação JOM
Todos os direitos reservados a Jornal O Momento. Produzido por WLSistemas
Nossa História Expediente Trabalhe Conosco Fale Conosco