Preso no RS suspeito de Feminicídio da Ex-sogra em Chapecó

Está preso no Rio Grande do Sul o homem de 29 anos suspeito do feminicídio da ex-sogra, em Chapecó. A prisão foi realizada em Júlio de Castilhos, no Rio Grande do Sul, na tarde desta sexta-feira (08). O homem estava foragido e o crime é investigado pela Divisão de Investigação Criminal (DIC/PCSC) de Chapecó.

A prisão contou com o auxílio da Polícia Civil e da Brigada Militar de Júlio de Castilhos/RS. O suspeito estava na residência de um familiar e não apresentou resistência à prisão. Após as formalidades legais, ele foi encaminhado ao Presídio daquela localidade, onde permanece à disposição da Justiça.

Nos próximos dias, para a conclusão das investigações, a Divisão de Investigação Criminal de Chapecó irá realizar o interrogatório do suspeito, para que, ciente das imputações que lhe são feitas e dos seus direitos constitucionais, apresente a sua versão.

O crime ocorreu no dia 08 de setembro de 2021, por volta das 17h30min, no Distrito de Marechal Bormann, interior de Chapecó. A ex-sogra, de 42 anos, foi alvejada a tiros e morreu. Ele também é suspeito de tentativa de homicídio contra o ex-sogro de 31 anos, e de tentativa de feminicídio contra a ex-companheira de 27 anos, além de descumprimento de medidas protetivas de urgência.


Imagens

Logo_Branco_Sem_Fundo.png

Copyright © 2011. Todos os direitos reservados | O Momento